Sinta-se em casa!

Entre e deixe a porta aberta.
Aguenta firme que vou ali pegar uma breja.

24 de fev de 2010

"Quando eu canto é para aliviar..."

Enquanto o Bonito caça todo dia artistas gringos, eu caço os nacionais. No post anterior ja havia feito indicação e agora, mais apaixonada do que nunca, indico uma cantora com sotaque delicioso (se é que existe essa expressão) de uma terrinha distante:

MAYRA ANDRADE

Se procurar os videos dela no Youtube, tente ouvir o máximo que puder e sem esquecer de assistir um que leva o título "Mayra Andrade - Album début (2006)"

Na altura dos 2 minutos ela canta uma linda canção que ficaria impecável na voz de Roberta Sá, Fabiana Cozza, Maria Rita, Gadú e Mariana Aydar. Esta, já gravou uma canção com a moça. Qual? "BELEZA". Não consigo parar de ouvir. Fica no repeat o dia todo.

Tem também uma gravação das duas, na rua, até parece a entrada do Sesc Pompéia mas é bem mais longe (rs) da canção "TUNUKA". Vale a pena também.

Se tiver um show dela e alguém souber...please, me avise.

Beijos. Espero que gostem tão quanto eu.

P.S.: Cauto sempre diz que gosto das mulheres cantando. Nacionais, sim. Internacional, são raras.

23 de fev de 2010

Dois para quando se quer um.

Ai como adoro comprar revistas. Já devo ter mencionado isso aqui.
E a Super News na Barra Funda me atrai. Todas as revistas são lacradas, o espaço é excelente para caminhar e as revistas devidamente separadas por categorias.

E eis que compro a revista Rolling Stone esse mês com uma matéria incrível do novo Guru:JAMIE TWORKOWSKI, fundador da "To Write Love on Her Arms" a TWLOHA ("para escrever amor nos braços dela").

A matéria foi muito bem escrita por Allison Glock que me deixou com uma vontade de quero mais. A maneira que ele tornou-se popular é realmente simples e digna de pensar e repensar. Indico leitura.

E adorei descobrir na parte de Cd´s a voz de Pedro Miranda. Não via a hora de chegar em casa e buscar clipes dele. Adorei encontrar duetos com a maravilhosa Teresa Cristina. O cara é dos bons, cd PIMENTEIRA tem compositores que admiro absurdamente como EDU KRIEGER (já vi de perto, com direito a tietagem com foto) e PAULO CÉSAR PINHEIRO (quem EU PRETENDO VER neste sábado). O rapaz ainda recebeu elogios de Caetano Veloso, assim como este elogiou Gadú.

Indico que escutem a canção: "O samba é meu dom"...que tb é linda na voz da Cozza.

Boa escuta people!

20 de fev de 2010

Blog de verão.

Semana dedicada à Frida Kahlo.
Começo com a frase do marido: 'Pega da vida tudo o que ela te der, seja o que for, sempre que te interesse e possa dar certo.'

Quase um Lenine...

E de fato vivo cercada de quem me interessa e no que acredito interessar.

E confesso que estou deixando a desejar para algumas pessoas que prometi visitas.

Sim, sim...sou o uó do borogodó em pessoa.

Desculpas já viraram "esfarrapadas".


Mas elas ainda existem em meu vocabulário.

É que estou em um ciclo novo que fez eu dar o mergulho mais fundo que já consegui ao longo da vida. E por um leve instante...que mesmo leve pode durar dias ou meses...estou encontro pelo caminho a melhor maneira de ser melhor. E logo mais, cada vez mais perto, dividirei essa felicidade com quem me interessa.

Estou de fato pegando da vida o que ela me dá de melhor.

E divido a minha felicidade com quem bebe a alegria da vida.

Inté babys.

14 de fev de 2010

POST DE CARNAVAL

Pois é...em pleno Carnaval eis que trabalho. Mas não fico triste pq o samba acontece o ano todo e não só nessa data. Sexta foi um dia bonito. Bar Brahma cheio de gente elegante e feliz, disposta para ver o Samba da Laje a primeira vez no palco principal. Os meninos começaram de forma tímida que logo foi ganhando o público sedento de ziriguidum. O repertório estava lindo. E ouvir qualquer canção da Portela com eles me dá um gostinho de quero mais.

Dia 28 de fevereiro, um domingão, tem o famoso Samba da Laje lá na Vila Santa Catarina. Realmente a festa na rua é bem mais bacana. E ainda tem a feijoada da Dona "Nerosa" pra animar a festa.

E no meio de tanto calor, samba, cerveja, trabalho...decidi fazer um post para alguém muito especial.

Título: Não tenha medo de mim

"O que pode ser melhor que voar?
Respostas longas escreveria.

Mudanças acontecem o tempo todo, independente de eu estar ao seu lado ou não. A diferença é o que outros pensam e o que te faz pensar. Mas não te cobro nada assim como não te peço tempo.
Devagarzinho foi tomando conta do meu espaço.
Eu já sei como você é, parte do que faz, a origem do seu crescer e a maneira de gostar.
Sou do tipo que te assusta. E não deve pensar assim.
A minha mistura de raças, de religiões, de gosto musical, da maneira de pensar talvez façam de mim alguém que te dá medo.
Mas não sou um bicho papão.
Só não sou a Mulher Média, parafraseando nosso Advogado Renan.
Talvez seja uma peça do seu Tetris que tu não esperava aparecer.
Irei com a calma que o destino mandou."

Um pouco de Adriana...

Qualquer canção na voz de Adriana Calcanhoto fica bonita. E fiz questão de separar as melhores.

"Aconteceu quando a gente não esperava
Aconteceu sem um sino pra tocar
Aconteceu diferente das histórias
Que os romances e a memória
Têm costume de contar
Aconteceu sem que o chão tivesse estrelas
Aconteceu sem um raio de luar
O nosso amor foi chegando de mansinho
Se espalhou devagarinho
Foi ficando até ficar
Aconteceu sem que o mundo agradecesse
Sem que rosas florescessem
Sem um canto de louvor
Aconteceu sem que houvesse nenhum drama
Só o tempo fez a cama
Como em todo grande amor"

"Não quero mudar você,
Nem mostrar
Novos mundos
Porque eu, meu amor, acho graça até mesmo em clichês.
Adoro esse olhar blasé
Que não só
Já viu quase tudo
Mas acha tudo tão déjà vu mesmo antes de ver.

Só proponho
Alimentar seu tédio.
Para tanto, exponho
A minha admiração.
Você em troca cede o
Seu olhar sem sonhos
À minha contemplação:
Aí eu componho uma nova canção.

Adoro, sei lá por que,
Esse olhar
Meio escudo
Que em vez de qualquer álcool forte pede água perrier"

"Toda sexta-feira toda roupa é branca
Toda pele é preta
Todo mundo canta
Todo céu magenta
Toda sexta-feira todo canto é santo
E toda conta
Toda gota
Toda onda
Toda moça
Toda renda
Toda sexta-feira
Todo o mundo é baiano junto"


Meus motivos estão ficando cada vez maiores por gostar dessas e de outras canções.

8 de fev de 2010

Um pouco de Mariana...

"Quando você chegar
Não precisa interfonar,
Mete a mão na maçaneta e pode entrar
Você já sabe onde fica tudo aqui em casa
Fique à vontade, sem cerimônia

Tu já é de casa
Te conheço há tanto tempo
Sei de tudo, leio até teus pensamentos
Das novidades, te conto amanhã bem cedo
Pois entre a gente nunca houve segredos

Na geladeira tem salada
O incensário tá no armário
Aquele verdinho que você gostou, deixa queimar

Não precisa me esperar pra nada
Você é a visita que eu gosto de ter em casa
Você é a visita que eu gosto de ter em casa"


Baby. Sempre os melhores.

3 de fev de 2010

Um pouco de Luiza...

"Vai sim, vai ser sempre assim
A sua falta vai me incomodar,
E quando eu não agüentar mais
Vou chorar baixinho, pra ninguém ouvir.
Vai sim, vai ser sempre assim,
Um pra cada lado, como você quis
E eu vou me acostumar,
Quem sabe até gostar de mim.
Mesmo que eu tenha que mudar
Móveis e lembranças do lugar
,
O meu olhar ainda vê o seu
Me devorando bem devagar.
Vem, que eu ainda quero, vem.
Quando menos espero a saudade vem
E me dá essa vontade, vem
Que eu ainda sinto frio
Sem você é tudo tão vazio
Vem me dar essa vontade,
Vem que esse amor ainda é meu.
Troco todos os meus planos por um beijo seu
E essa noite pode terminar bem."